Call us toll free:
Top notch Multipurpose WordPress Theme!

CEDDO

Senegal, 1977, cor, 120min

No Senegal, no final do século XVII, período entre a chegada dos europeus e a imposição da administração colonial francesa, algumas tribos e etnias tentam preservar suas tradições negando-se a se converterem ao islamismo ou cristianismo. Quando o Rei Demba se converte ao islã, os guerreiros Ceddo, em protesto, sequestram sua filha, iniciando uma guerra civil-religiosa.

Direção e Roteiro: Ousmane Sembène

Produtora: Filmi Doomireew

Produção: Paulin Soumanou Vieyra

Fotografia: Georges Caristan

Som: Moustapha Guèye, El Hadj M’Bow

Música: Manu Dibango

Montagem: Dominique Blain, Florence Eymon

Elenco: Tabata Ndiaye, Mamadou Ndiage Diagne, Mamadou Dioum, Moustapha Yade, Ismaila Diagne, Matoura Dia

A palavra Ceddo tem origem no dialeto senegalês pulaar cujo significado é “povo da resistência”. O filme foi banido no Senegal devido às fortes críticas direcionadas ao Islamismo e ao Cristianismo, grupos com enorme influência sobre o governo do país.